Moro manobrou para eleger Bolsonaro, denunciam líderes petistas

 

Parlamentares exigem que o Ministro da Justiça deixe o cargo após reportagem que denuncia intenções de Moro de prejudicar o PT nas Eleições de 2018...

 

O líder do PT na Câmara, deputado Paulo Pimenta(RS), e a presidenta nacional do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR), e o líder da Minoria no Congresso, deputado Carlos Zarattini (PT-SP), afirmaram peloTwitter que a informação divulgada nesta segunda (29) pelo jornal Folha de S. Paulo – em parceria com o site The Intercept Brasil – de que o então juiz Sérgio Moro divulgou delação do ex-ministro Antônio Palocci a seis dias das eleições em 2018, mesmo sendo considerada “fraca” pelos próprios procuradores da Lava Jato, demonstram que o atual ministro da Justiça atuou conscientemente no sentido de influenciar no resultado do pleito.

Da mesma forma como Paulo Pimenta e Gleisi Hoffmann, outros parlamentares também condenaram a atitude de Moro e afirmaram que diante da revelação, o ministro perdeu qualquer condição moral de permanecer no cargo de ministro da Justiça.

De acordo com a reportagem, na época o procurador Paulo Roberto Galvão afirmou a seus colegas num grupo de mensagens do Telegram: “Russo (Sérgio Moro) comentou que embora seja difícil provar ele (Palocci) é o único que quebrou a omerta petista”. Ainda na troca de mensagens, a procuradora Laura Tessler considerava que era difícil provar a delação de Palocci que tentava incriminar Lula e o PT: “Não só é difícil provar, como é impossível extrair algo da delação dele”, afirmou.

Segundo Paulo Pimenta, a revelação dos diálogos reforça a constatação de que Sérgio Moro agiu para beneficiar Bolsonaro eleitoralmente, usando uma delação “rejeitada pelo Ministério Público por falta de provas…para violar o princípio mais fundamental de qualquer democracia: o respeito ao voto popular”. “Tenha dignidade e peça demissão e desculpas à sociedade brasileira, Sérgio Moro”, cobrou o petista.

Paulo Pimenta
?@DeputadoFederal
 
 

Um procurador da República e um juiz federal usaram seus cargos e a estrutura do Estado brasileiro para VIOLAR o que de mais sagrado existe numa democracia: a liberdade do voto popular.

Os setores com apreço real à democracia vão se calar por razões de preferência partidária?!

 
211 pessoas estão falando sobre isso
 

Já a presidenta do PT, Gleisi Hoffmann, considerou “muito grave” a revelação ao concluir que a delação de Palocci foi divulgada apenas para “causar confusão política às vésperas das eleições”. “Isso prova que Moro foi um grande cabo eleitoral de Bolsonaro”, apontou.

O líder da Minoria no Congresso Nacional, deputado Carlos Zarattini, também acusou Sérgio Moro de utilizar o então cargo de juiz para beneficiar Bolsonaro nas urnas. “Delação de Palocci foi a boca de urna de Bolsonaro com apoio de Moro e Rede Globo! Moro tem que ser afastado! ”, exigiu.

Carlos Zarattini
?@CarlosZarattini
 
 

Delação de Pallocci foi a boca de urna de Bolsonaro com apoio de Moro e Rede Globo! Moro tem q ser afastado!

 
137 pessoas estão falando sobre isso
 

Veja mais repercussões

Por PT na Câmara

Coordenação

Construindo Um Novo Brasil.

Website: construindoumnovobrasil.com.br/

É uma corrente interna do PT, da qual fazem parte alguns dos principais ministros do nosso governo e o próprio Luiz Inácio Lula da Silva, entre outros quadros importantes. A corrente nasceu em 1983, a partir do Manifesto dos 113, que buscou organizar o grande número de militantes...