Rejeição de Temer nas redes sociais chega a 89%

 

Pesquisa da empresa Veto levou em conta comentários sobre política e páginas seguidas por mais de 30.000 usuários de Facebook e Twitter...

 

Levantamento da empresa de inteligência digital Veto, feita para o site de notícias El País, mostrou que 89% das menções ao golpista Michel Temer nas redes sociais em fevereiro foram negativas.  A pesquisa levou em conta comentários sobre política e páginas seguidas por mais de 30.000 usuários de Facebook e Twitter.

A baixa popularidade do golpista não é de hoje. Segundo o último Datafolha, de dezembro, 51% consideram o Governo ruim ou péssimo. Já a pesquisa da Veto aponta possíveis razões para a rejeição. As indicação de Moreira Franco para ministro e o Desmonte da Previdência são algumas delas.

Segundo o estudo, 37% dos comentários de usuários sem definição política repudiam o governo golpista por políticas específicas. “A reforma da Previdência, em especial, é profundamente rejeitada por esse grupo”, afirma Scandiuzzi, responsável pela pesquisa. Pablo Ortellado, membro do Grupo de Pesquisa em Políticas Públicas de Acesso à Informação da USP  afirma  que não sabe se é “uma tendência geral ou um fato pontual, mas ela está sendo muito mal recebida”.

Coordenação

Construindo Um Novo Brasil.

Website: construindoumnovobrasil.com.br/

É uma corrente interna do PT, da qual fazem parte alguns dos principais ministros do nosso governo e o próprio Luiz Inácio Lula da Silva, entre outros quadros importantes. A corrente nasceu em 1983, a partir do Manifesto dos 113, que buscou organizar o grande número de militantes...