Contribua com a campanha “Um Brasil Justo pra Todos e pra Lula”

 

Campanha faz parte de um esforço nacional e internacional de defesa da democracia, do Estado de Direito e do ex-presidente Lula...

 

Foi lançada nesta quarta-feira (7), na plataforma de financiamento coletivo Catarse.me, projeto de arrecadação para a campanha “Um Brasil Justo pra Todos e pra Lula (clique aqui pra contribuir).

A campanha faz parte de um esforço nacional e internacional de defesa da democracia, do Estado de Direito e do ex-presidente Lula. Seu primeiro grande ato foi realizado no dia 10 de novembro, em São Paulo, na Casa de Portugal, com a divulgação de um manifesto já assinado por mais de 17 mil pessoas das áreas política, cultural, artística, acadêmica, econômica, jurídica, religiosa e militantes do movimento social. Entre os assinantes, estão: Antonio Candido, Anna Muylaert, Chico Buarque de Hollanda, Beth Carvalho, Luiz Carlos Bresser-Pereira, Laura Cadoso, Sebastião Salgado, Maria Rita Kehl, Dalmo Dallari, Heloisa Starling, Dom Angélico Sândalo, Laís Bodansky.

 

Um Brasil Justo pra Todos e pra Lula” é uma iniciativa de brasileiras e brasileiros dos mais diversos setores da sociedade. “Todos nós, que condenamos veementemente a corrupção, não podemos aceitar que o combate a esse grande mal dê vazão a outros seríssimos desvios. Não toleramos a criminalização dos movimentos sociais, os excessos e desmandos de setores do Judiciário, a institucionalização dos vazamentos para a imprensa de depoimentos que deveriam ser sigilosos, as prisões preventivas que se transformam em permanentes, as ações violentas das PMs contras as manifestações e os jovens nas periferias, e tantos outros que atemorizam quem não perde seu apreço pela democracia”, diz o texto explicativo.

Integram a organização da campanha, entre outros, Altamiro Borges (presidente do Centro de Estudos da Mídia Alternativa Barão de Itararé), Carina Vitral (presidenta da UNE), Carlos Tibúrcio (jornalista, ex-coordenador da Equipe de Discursos da Presidência da República), Eleonora Menicucci (ex-ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres), Fernando Morais (jornalista e escritor), Gilberto Leal (diretor nacional da CONEN), Guilherme Boulos (coordenador nacional do MTST), João Pedro Stédile (coordenador nacional do MST), Vagner Freitas (presidente nacional da CUT).

Contribuições

Segundo os organizadores, a Campanha “precisa crescer, se espalhar pelo País e ampliar apoio no exterior para atingir os objetivos a que se propõe”. Pede para que todos acompanhem as atividades e colaborem compartilhando as notícias ou fazendo doações de qualquer valor e se integrar ao cadastro da campanha; assim passará a receber periodicamente o boletim eletrônico com resumo das atividades. Só serão aceitas doações de pessoas físicas.

As contribuições servirão para a manutenção das atividades da campanha Por um Brasil justo para todos e para Lula, durante o primeiro semestre de 2017, divididas da seguinte maneira: mobilização e eventos (20%); comunicação: site, redes sociais, rádio e TV web – Rádio Democracia no Ar (40%); ações de divulgação – criação/produção/distribuição de materiais (5%); ações Internacionais (5%); administração (10%); custos do crowdfunding (20%). A campanha prestará contas mensalmente das despesas realizadas no site e via boletins.

Assista no vídeo o passo-a-passo para quem quer contribuir para a Campanha “Por um Brasil justo, pra Todos e pra Lula”, participe e ajude a divulgar.

 

Congregar cada vez mais forças políticas e sociais, realizar ações amplas e constantes, e promover a organização de comitês e bases de apoio em todos os níveis da sociedade, com o objetivo de: resistir à onda de retrocessos em todos os níveis que toma conta do país, lutando concretamente Por um Brasil justo, pra Todos e pra Lula, pelo estado de direito e pela democracia; contribuir para a construção de propostas políticas efetivas que levem à retomada do desenvolvimento e à realização, o quanto antes, de eleições diretas e livres para a Presidência da República; e Ajudar a romper o cerco jurídico-midiático, fortalecendo o papel da blogosfera e de veículos alternativos, acumulando forças para a democratização dos meios de comunicação.

Com informações do site: brasiljustopratodos.com.br

 

Coordenação

Construindo Um Novo Brasil.

Website: construindoumnovobrasil.com.br/

É uma corrente interna do PT, da qual fazem parte alguns dos principais ministros do nosso governo e o próprio Luiz Inácio Lula da Silva, entre outros quadros importantes. A corrente nasceu em 1983, a partir do Manifesto dos 113, que buscou organizar o grande número de militantes...