Para líderes do PT na Câmara, Temer teve “vitória” manca

 

Para os líderes Carlos Zarattini e José Guimarães, resultado que arquivou denúncia contra Michel Temer mostrou que governo não conseguiu unificar base...

 

Líderes petistas na Câmara dos Deputadosavaliaram como “fraca” a vitória de Michel Temernesta quarta-feira (2), ao garantir o arquivamento da denúncia contra ele por corrupção passiva.

“Foi uma vitória muito manca do governo, porque ele não conseguiu unificar sua base”, resumiu o líder do PT na Câmara, deputado Carlos Zarattini(PT-SP).

Após mais de 11 horas de sessão no plenário da Câmara dos Deputados, o governo obteve placar mínimo de votos para barrar a abertura de processo contra Temer e impedir que a investigação seguisse para o Supremo Tribunal Federal (STF).

Vale ressaltar que o usurpador Michel Temer foi o primeiro presidente brasileiro no exercício do mandato a ser denunciado por um crime comum.

Para Zaratini, o governo conseguiu se manter, mas sai profundamente enfraquecido desse episódio, enquanto a oposição sai fortalecida.

“Com certeza o governo terá dificuldades para aprovar seus projetos agora. E vamos continuar batalhando, vamos continuar resistindo aqui às chamadas ‘reformas’ para impor derrotas ao governo”, afirmou, se referindo à reforma da Previdência, que ainda será apreciada no Congresso.

Lula Marques/Agência PT
Presidenta do PT Gleisi Hoffmann esteve no plenário da Câmara para apoiar deputados petistas

O líder da bancada petista na casa destacou que esse enfraquecimento do governo se dá pela cisão na base e apoio a Temer. “Boa parte do PSDB votou contra o governo”.

De acordo com o líder da Minoria da Câmara, deputado José Guimarães, a votação desta quarta “expõe de forma dramática a falta votos do governo”.

“Mudou a realidade institucional e a maioria que o governo tinha aqui dentro. É uma vitória de Temer, mas que gera mais instabilidade política ao governo”, completou, destacando que isso vai se refletir na votação da reforma da Previdência.

Guimarães concordou com a avaliação do colega Zarattini, quanto ao fortalecimento da oposição.

“É uma derrota com sentimento de vitória. O sentimento é de dever cumprido pelo que nós estamos fazendo, pela oposição unida”, ressaltou.

Na sua opinião, o governo não terá a mesma força, caso chegue uma próxima denúncia contra Temer vinda da Procuradoria-Geral da República.

Zarattini corroborou: “A próxima denúncia contra Temer que chegar aqui vai ter uma possibilidade maior de nós derrotarmos o governo”.

Ao final, o líder do PT na Câmara lembrou que a saída para a crise no Brasil passa pelo afastamento de Temer e pela convocação de eleições diretas ainda este ano.

“A melhor dos mundos é que tivéssemos antecipação das eleições diretas, para que em um processo democrático o povo pudesse votar e escolher um novo governo que levasse o País à frente”, finalizou Zarattini.

Coordenação

Construindo Um Novo Brasil.

Website: construindoumnovobrasil.com.br/

É uma corrente interna do PT, da qual fazem parte alguns dos principais ministros do nosso governo e o próprio Luiz Inácio Lula da Silva, entre outros quadros importantes. A corrente nasceu em 1983, a partir do Manifesto dos 113, que buscou organizar o grande número de militantes...